Nota Oficial

0
1650
A atual diretoria da Associação Atlética Portuguesa foi surpreendida no início desta semana com uma intimação feita pela Procuradoria da Dívida Ativa do Município, de leilão do Estádio Luso-Brasileiro, por débitos fiscais de administrações anteriores que começaram em 1976 até 2011. Até então, o fato não era do nosso conhecimento.
A partir do momento que tomamos ciência do caso e com a ajuda da vereadora da Ilha e sócia remida do Clube, Tânia Bastos, o Departamento Jurídico da Portuguesa, em parceria com o Clube de Regatas do Flamengo, entrou com uma petição na 12º Vara de Fazenda Pública para IMEDIATAMENTE o leilão fosse deferido. Na noite da quinta (27), o pedido foi deferido e após isso firmamos um acordo com a prefeitura a respeito da dívida pendente.
Ressaltamos que a atual diretoria vem promovendo melhorias CONSIDERÁVEIS em todas as dependências de sua sede e vem conseguindo acordos BENÉFICOS com clubes para mandarem seus jogos no Luso-Brasileiro e assim, além de melhorias estruturais, conseguimos VISIBILIDADE NACIONAL e mais RECURSOS.
É válido lembrar que a atual diretoria encontrou essa dívida de administrações anteriores, visto que essa começou em 1976.
Agradecemos o nosso parceiro Clube de Regatas do Flamengo, que desde o primeiro momento esteve ao nosso lado com uma postura digna equivalente à sua grandeza ajudando a contornar a situação e até mesmo disponibilizando seu corpo jurídico.
Finalizamos dizendo que a ASSOCIAÇÃO ATLÉTICA PORTUGUESA continua firme em seu propósito de ser um clube com raízes portuguesas e que ainda traga momentos de lazer, diversão e entretenimento para os associados, fãs e torcedores.
ASSSOCIAÇÃO ATLÉTICA PORTUGUESA

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here