Futebol profissional inicia treinos em plataforma online

0
894

A necessidade do isolamento social provocada pela pandemia do novo coronavírus obrigou a Federação de Futebol do Rio de Janeiro (Ferj) e os clubes do Estado a paralisarem as atividades por tempo indeterminado. Enquanto não há uma data consensual para a volta, a Lusa iniciou na quinta-feira (7), treinamento através de videoconferência para manter a forma física dos jogadores.

Os atletas já recebiam diariamente vídeos gravados pelo preparador físico Rodrigo Mello desde os primeiros dias da paralisação e replicavam os exercícios em casa. Como as tratativas para a volta do futebol estão em fase final, a partir de agora, as atividades são simultâneas e conta com a presença do técnico Rogério Corrêa. A intenção é utilizar esse mecanismo para os atletas voltarem a se adaptar com a rotina e horários novamente.

– Importante iniciar os trabalhos através desta plataforma online de modo que os jogadores já começam a adaptar novamente o corpo ao horário de treinamento. Os atletas vinham realizando atividades gravadas previamente pelo preparador físico Rodrigo e com a inserção da videoconferência, a orientação e a cobrança são instantâneas, além do estímulo por estarem fazendo juntos. Tudo isso para que o trabalho seja feito corretamente e possamos estar prontos para quando o futebol puder voltar – disse Rogério.

O preparador físico, Rodrigo, ressalta a importância da manutenção do condicionamento físico com a volta diária dos treinos.

— O principal benefício é a manutenção do condicionamento físico, que é pertinente a prática desportiva do futebol, assim como outras qualidades físicas igualmente importante como: força, capacidade aeróbica, resistência muscular localizada, potência , flexibilidade e velocidade com o objetivo de que não haja perda no rendimento no momento de retornar ao trabalho físico no centro de treinamento”.

A volta das atividades ainda depende de autorização prévia das autoridades. Os médicos dos 16 clubes que disputam o Estadual desenvolveram um protocolo denominado “Jogo Seguro”, que traz recomendações para o retorno dos treinamentos e jogos. Medidas como a realização de testes rápidos em todos os atletas, comissão técnica e staff envolvidos no jogo e orientações acerca da rotina de treinamento, transporte, vestiários, lavanderia, nutrição, departamento médico, fisioterapia e academia.

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here